domingo, 4 de março de 2012

Circularidade

Não sei e não faço
E se faço
Faço incorreto incompleto
E logo desfaço
Desfeito o que quase faço
Ou que se faz em mim inacabado
Não sei se desfiz ou me desfiz outra vez por completo
E se desfeito aniquilado
Procuro-me nisso que em você é como um ficar ausente
Um ir-se sempre retornando mesmo que não completamente.


8 comentários:

✿ chica disse...

Muito linda poesia!!abraços,ótima semana,chica

Si, Fosse Algo seria o Nada disse...

Ahhhhhhhhhhh, Sé! Minha preferida das preferidas do Pink Floyd.
"Wish you were here" é perfeito!

Bjs, boa semana!

lidia-la escriba-www.deloquenosehabla.blogspot.com disse...

no se por que no me permite bloger dejarte un comentario,va de nuevo,buen pasaje en este poema...a veces, no todo lo que está,es cierto!
excelente,amigo!
muchas gracias
lidia-la escriba



blog actualizado

ONG ALERTA disse...

Adoro Me lembra de quando era guria...
Beijo Lisette.

Vanuza Pantaleão disse...

E voltamos sempre ao ponto de partida. Aniquilados e incompletos.
Pink Floyd, gosto muito deles.
Amigo, tenha um ótimo final de semana!Beijos!

lidia-la escriba-www.deloquenosehabla.blogspot.com disse...

saludos!



lidia-la escriba


blog actualizado,ven!

Vanuza Pantaleão disse...

Doce tarde de quarta-feira, Serginho!
Beijos e carinhos...

lidia-la escriba-www.deloquenosehabla.blogspot.com disse...

te deseo un buen fin de semana!
un abrazo
lidia-la escriba

Twittando

    follow me on Twitter